22 fevereiro 2007

Pessoa


Fernando Pessoa

Que escrúpulos químicos tem o impulso que gera
As seivas, e a circulação do sangue, e o amor?
Que memória dos outros tem o ritmo alegre da vida?
Ah, pobre vaidade de carne e osso chamada homem.
Não vês que não tens importância absolutamente nenhuma?

És importante para ti, porque é a ti que te sentes.

És tudo para ti, porque para ti és o universo,
E o próprio universo e os outros
Satélites da tua subjectividade objectiva.
És importante para ti porque só tu és importante para ti.
E se és assim, ó mito, não serão os outros assim?

Tens, como Hamlet, o pavor do desconhecido?

Mas o que é conhecido? O que é que tu conheces,
Para que chames desconhecido a qualquer coisa em especial?

_____________________________________________________________________
Porque na vida, apenas vale a pena amar o que é verdadeiro!!


7 comentários:

Gabi Ninck disse...

Diva querida!!!!
Vim até aqui fazer-te uma visitinha e dizer que gosto da tua forma de expressão, teu humor e carinho.Temos o mesmo gosto poetais...rss..(tb eu adoro o Fernando Pessoa...e....rssss, sabes bem quem não é?)
Logo terei meu blog,e virei aqui blogada, reblogada, embolada e tudo o mais que puder usar como meio de fazer chegar às pessoas meu sentir: Seja em versos de amor ou contos de humor.Este é o meu perfíl; gosto de sorrir e fazer sorrir, gosto de sentir amor e transmitir amor.Coisas que voce, Diva, tão bem entendeu.Obrigada.
Beijinhos,

Ps: Sorri demais contigo, com o que escreveu/respondeu...rsss...bem sabes onde não? (rs)Bjs...

Diva disse...

Gabi,
Ola querida amiga da "sociedade poetal" bem vinda ao momentos de vida e obrigada pela visita. Ja e mesmo altura de teres um blog, quando "nascer" avisa-me porque quero saber em primeira mao! Escreves tao bem que acho um disperdicio que te fiques pelos comentarios (bem feitos e muito bonitos).
Bom fim de semana.
Bjs meus

Diva disse...

Escorpiao,
Fiquei imensamente surpresa em encontrar aqui um post teu, deste poema tao especial. Foi uma surpresa linda. Engracado como me conheces tao bem... Obrigado pela visita.
Bjs meus

P.S. Continuo a amar o que e verdadeiro, podes ter certeza!

Sutra disse...

Diva, vi as ultimas notícias sobre o «Flavio». Sei que houve algumas populações afectadas em Govuro, Inhassoro e Vilanculo.
Espero que esteja tudo bem convosco.

Beijo doce para vocês


ps - bom gosto do escorpião na escolha do poema ;-)

L.S. Alves disse...

Eu também gosto de F.P.
Muito bonito o poema escolhido.
Um abraço do Brasil.

"Porque na vida, apenas vale a pena amar o que é verdadeiro!" disse...

Su,
o verdadeiro furacao para a Diva vai acontecer esta noite. E vai mudar de nome. Com ela e mesmo assim. As tempestades vem depois. O momento, esse, e para viver!

Diva disse...

Su, I.s.

Obrigado por tudo. Ta tudo bem por aqui e agora.
Bjs meus

"porque na vida..."
gostei...
Bjs meus