06 março 2007

Replay


Mais uma vez eu brinquei com meu coração, quase me perdi nesta teia que eu mesma criei. Mais uma vez achei que estava apaixonada, que sou poema enquanto sou apenas mulher.
Não... Não sou inocente, nunca fui meu bem!
Sabes? Meu problema é esse, o velho hábito de querer transformar sonhos em realidades paralelas, desejar sempre que heróis existam de verdade, olhar homens e ver mitos, brincar com sentimentos meus e de quem quiser, arriscar...
Eu choro...Eu nasço nas madrugadas... Eu renasço nas cinzas...sou Fenix.
Continuo a acreditar em mim, acho que um dia vou mudar...vou ser tua e somente tua.Mas perco todos meus sentidos e de novo me entrego a paixão assim que ela paira no ar. Isto é tão típico em mim... é assim que sou.
Não... Não sou inocente, nunca fui meu bem!

11 comentários:

chapa100 disse...

hoje a lua diva, deixou de ser inocente. nao nao mais ilumina, faz sombra, inventa sombras. ela nao mais faz sonhar. o que sera do amor? ficara orfao? maluco? timido? ou vao emigrar como fazem os passaros para aquecer os ovos e romantizar o copulo?

o mito vai ser a verdade do homem. porque onde a verdade emigra so fica o conto, a ficcao, ate os corpos sao capazes de amar assim, no mito. inventam mascaras e simbolos do prazer, afinal o mito nao esta na mente, esta no prazer. por isso todos podemos nascer na madrugada e viver inocente.

inocente somos todos nos. a lua tambem. porque nunca experimentou uma fugidinha? nem que seja para assustar? imagina o susto da lua, na sua inocencia.imagina.

Crónica disse...

Ohhh
gostei sas???
cada x acho que nós estamos ligadas por algo mt além do que a vida....
uma sensação incrivel... ao ler o que escreveste achei q escreveste o que sinto...
inocentes nós fomos apenas nos nove meses de gestação nas barrigas das nossas mamãs.... sim pq após o nascimento deixamos a inocencia para tras e seguimos por uma trilha que nos leva ao caminho da nossa vida.
Nunca fui e nem doste inocente... já mais seremos inocentes ou santas... esses estão no ceu e são conhecidos pelos nomes...
nós estamos onde queremos e somos conhecidas por nós...
hey amei....
jinhuz Xous

Diva disse...

Chapa 100
Impossivel imaginar a lua na inocencia. Essa lua descarada e obsena, vivente em orgias de prazer refletida na imensidão do que sou. A lua inocente? Nunca. Ela ama por prazer e aparece sempre que as nuvens permitem.
Sabes? Perder a inocencia não significa virar dia. Mas sim amanhecer no reflexo do calor da verdade. Como dizes e muito certamente o mito não esta na mente, esta no prazer...de ser e se permitir renascer!
Bjs meus

Diva disse...

Crónicas
É assim que somos! É assim que nos encontramos querida amiga. Sem medos e sem preconceitos, assumindo que a inocência já não nos pertence. Talvez no passado... quem sabe no futuro... mas não hoje!
Bjs meus

Crónica disse...

Nha linda heheheh
sas eu tenho 23 anos e este mes farei 24 lol
tou a ficar gandinha
e qto ao Jacome... ehhehe ele engana-se redondamente nós não somos desencaminhaveis heheheheh temos o trilho bem escolhido ehehhehe
qto aos amigos ja me conformei...
falamos
Jinhuz Crónicos

Diva disse...

Cronicas,
Isso quida grita bem alto para ver se ele nos ouve! hehehe...
Bjs meus

P.S. Somos do mesmo mes! mais uma conscidencia?!?!

L.S. Alves disse...

Em breve será a idade de criar juízo.
.
.
.
Que pena.

Diva disse...

I.s.
mas eu ja tenho juizinho!!!! ( Nao parece?)
Bjs meus

chapa100 disse...

o juizo tambem aluga-se.

Diva disse...

Chapa 100

O juízo não se aluga, se empresta muitas vezes no seu excesso outras na sua falta.
Ele se deixa estar muitas vezes ausente na ignorância do que os outros pensam do que sonhamos.
Bjs meus

Anónimo disse...

hi, momentos-de-vida.blogspot.com!
[url=http://viagradef.fora.pl/] viagra ohne rezept[/url] [url=http://viagradee.fora.pl/] viagra bestellen online[/url] [url=http://cialisdea.fora.pl/] cialis bestellen [/url] [url=http://cialisdeb.fora.pl/] cialis kaufen rezeptfrei[/url] [url=http://cialisdec.fora.pl/] cialis ohne rezept[/url] [url=http://cialisded.fora.pl/] cialis online[/url]