08 julho 2007

Divagações de domingo a tarde


Nesta doce saudade
com aromas de mundos distantes,
as palavras são feitas de calor e bordadas com tremor.
Temperam sem fim a melodia dos raios da lua no mar
e se desfazem enfim nos dedos das nossas lembranças.

10 comentários:

Bichodeconta disse...

ups...

un dress disse...

passing through my sleepy mind...

VENDIË disse...

Belos momentos de intimidade, cumplicidade e paixão! ;) Boa continuação...lololol
Bjs

Crónica disse...

Hmm deliciosas as tuas divagações
me mordi de "inveja"
jinhu crónico

o alquimista disse...

“O Alquimista” foi nomeado o melhor dos 7 bogues maravilha após votação na blogoesfera, a imensa honra que me invade faz com que distribua esta honra por ti e todos aqueles que me visitam partilhando comigo esta Alquimia das Palavras.



Perdido no tempo o teu coração errante, alma desencontrada da oração, uma flor liberta na brisa uma semente, que secretamente a noite a recolhe na ausência de um coração.


Boa semana


Doce beijo

markus disse...

“Tenho o coração granitado e fresco...Pintado pela noite…”
Um bom dia e boa semana ***

Helena Nunes disse...

Belo o tempero e o sentir.
Bjos

Diva disse...

Boa semana pessoal!!!
Bjs meus

cm disse...

doce saudade...de lembranças soltas nos dedos da vida...um abraço

Escorpiana Explosiva disse...

vc sempre com suas belissimas palavras e imagem bom fds