14 agosto 2007

Tempted to touch

Não resisto ao pensamento de ti. Discretamente deslizo a mão sem orgulho e nem preconceito, desço com suavidade e passeio-a pelo meu corpo até chegar ao sexo que me recebe a mão docemente. Suspiro e estremeço...
Abraço-a com as coxas e me deixo divagar na loucura. Inicio então um movimento rápido e ritmado... não demoro. Chego ao cume do prazer, ultrapasso a fantasia num orgasmo ansiado. Relaxo...
Tá na hora de comecar a trabalhar...


9 comentários:

café no divã disse...

Que tipo de trabalho menina? O que eu gosto? O contacto das coxas me excita e gosto do trabalho-prazer que segue.

Dawa disse...

Bela forma de começar o dia...lol
Beijinho!

Dhyana disse...

Se fosse eu, chegava atrasada, como sempre ;)
Beijos...

Alexandre disse...

Preconceitos para quê? A vida é para se levar na divagação da loucura!

Achei o teu texto sublime! Muito bonito!!!

Muitos beijinhos!

Nilza disse...

Show de sensualidade menina!
Obrigada pela visita tão carinhosa e passe por lá pra ver o que postei.
beijos

mitro disse...

Podíamos trabalhar juntos...

Dias... disse...

"sem orgulho nem preconceito" interessante...

Beijo

Lu@r disse...

Relaxante este post...

Hum
Relaxo-me
e...

Beijo

alexia disse...

Gostei imenso de te ler aqui...conseguiste dar uma leveza fantastica a algo que as pessoas teimam em complicar:)