30 outubro 2007

Acordei assim...


Perdi-me na solidão do toque. Intensa. Inexoravel. Da minha alma fiz transcender um orgasmo nascido entre paixão e gestos perdidos. Mistura de sussurros e alucinações. Desejo mudo que grita com suor... Acordei assim... cheia de implulsos (quase) irremediáveis!

16 comentários:

Bichinho disse...

Que bom...esses implulsos (quase) irremediáveis...

Beijo fantasma.

Dhyana disse...

Ah Diva o que eu me ri agora...
adorei esse "quase irremediáveis", és uma mulher que não se detém perante obstáculos. Nem mais!
Beijos.

Dhyana disse...

Ah, beijinhos à Diva mais nova.
:)

Kapikua disse...

Que acordar magnânimo!!!

boa sorte pó resto do dia :)

beijo

Xana disse...

Diva... sensual o teu acordar... ardentes tuas palavras com o sentir irremediável na minha pele

Adorei teu espaço...

Obrigada pela visita no meu...

Apareçe sempre!
Beijo meu

Leonardo Vieira disse...

Minha Diva,
Pensei que fossemos só nós que acordassemos com o "coiso" em pé!

A frase que me ocorre é:

"A melhor forma de Lidar com a tentação...é ceder a ela"

Estamos aqui pra isso!;)

Bjs

Fátima disse...

Olá Diva!
Que bom é nos sentirmos assim, é um sinal de que os nossos sentidos mais intimos de mulher estao a funcionar a 100%, e precisamos de amor e carinho...............
Tens de encontar um remédio, para que te "cure" e faça disfrutar de todos esses sentidos maravilhosos:)


Deixo-te un beso caliente e desejo de uma otima semana1

Bruno disse...

Então desejo que possas remediar esses impulsos.

Beijos

pequenita disse...

Tens uma forma bonita de te expressar!


No fugaz e eterno momento
da consumação de nosso amor
gritam gargantas no gozo do prazer
da quase dor desse explodir...

www.intimomisterio.blogs.sapo.pt

Petrusednem disse...

Acordar assim às vezes é otptimo, outras nem por isso ... depende de quem está ao nosso lado, ou então de quem não está!

Desejo um impulso remediável para si...

Fique bem.

Sr do Vale disse...

Diva,
Acorde agora
Pois estavas sonhando.


Ps.: preciso do seu e-mail para cadastra-la em partículas pessoal.

um grande abraço.

Pearl disse...

Se a leitura nos permite aferir a intensidade desse momento, o momento em si, deve ter sido bem mais intenso!!!
Parabéns pela forma como pões em palavras o que muitas vezes nos vai na alma!!! :)

Delfim Peixoto disse...

Vim visitar e voltarei concerteza

Anónimo disse...

Louca,
Acordas como adormeces. O sono é apenas um interludio de tempo para recuperar forças. No entanto as palavras não secam o desejo de materialização. Do toque e dos corpos. Do desejo consumido e consumado.

A virtualidade esbarra-se nessa imensa contradição e ou frustração. Está tudo nesse texto menos cheiro e transpiração.

Ainda te faz falta? Temo que não.

Bj...

Sr do Vale disse...

Diva, partículas do sentido e momontos de vida estão ligados.
bjs

Mesmo com um oceano entre nós

A.S. disse...

Avid... que delicioso acordar! Amanhecer o dia na vertigem de doces sensações!


Beijos
AL