12 fevereiro 2009

It's rainnig butterflies


Vou dançar na chuva,
uma dessas danças tropicais
dançar o desejo, lentamente
dançar o pecado, urgentemente.

Vou dançar na chuva,
dançar em mim, no balanço cego,
com som liquido e suor virgem
prendo o ritmo ao ventre, ancas e pés.

Vou dançar na chuva,
arrefecer alma com pingos
ter o centro do mundo na pele
abraçar o corpo. Dançar-me.

9 comentários:

Palma da Mão disse...

E num ar seguro de menina-mulher serás tu mesma o som da tua dança, o brilho do teu olhar , e eu uma espectadora viciada em ti, nesse canto de ninfa e mulher borboleta, que me encanta e seduz a cada nova letra musical...a cada novo passo...a cada beijo teu...
Linda, e no momento em que encontrarem uma forma de curar o meu vicio, eu vou fugir como qualquer menina mimada:)
Beijinhos linda

*** Cris *** disse...

Olá moça,td bem?
Adoro chuva e dançar na chuva tem um tom de liberdade.
Bjs e sorrisos coloridos!

Salve Jorge disse...

Dança
Aumenta minha esperança
Enquanto sua cintura balança
E me envolve

Dissolve
Como a chuva
E revolve
Com cada curva
Tua
E como uma luva
Preenche minha vista turva
Ante tua carne nua

Que enquanto você dançar
Vou me esbaldar
E esquecer da rua
E da lua
Querendo ser teu par
E em ti me entranhar
Como se na chuva
Fosse me afogar

patriciasofia disse...

Olá,

Vem dançar comigo...à chuva.,-)))

P.

patriciasofia disse...

Olá,

Vem dançar comigo...à chuva.,-)))

P.

Nanda Assis disse...

se feito, seria maravilhoso.

bjosss...

Bernardo Lupi disse...

Sei bem o que são essas chuvas e danças tropicais. Que delícia!

alexia disse...

Se fossem homens eu diria...aleluia:=))

alexia disse...

Se fossem homens eu diria...aleluia:=))