03 agosto 2007

Desejo: Cena V


Venho...
Na calma do que são as cores
no frémito de mil sabores
levo-me na fuga do desejo
correndo em travas de loucura

Venho...
Chego pasmada em ti
delicadamente embriagada
perdida no que não me és
mas que logo me darás

Venho...

Em galopes de ansiedade
chego-te agora no calor do fogo que me provocas.

6 comentários:

Leonardo Vieira disse...

Vem
E sente o que tu gostas
Como tu gostas

Vem
E apalpa-o
Irto e potente
Ele por ti espera

Vem
Que estou louco para preencher
fazer subir esse calor
E te levar aos céus.

LV

ErosLibru disse...

Simples e refinadas as tuas palavras!
Com o tempo, deixarei aqui outras, mais palavras, em sintonia com as tuas.

PS - o meu blog é para continuar... com calma!

Lobo Solitário disse...

Este tua série ficou bem interessante... Demasiado, até!!!

Beijinho

Su disse...

:)
Isso um dia arde memo mulher!
Olha, gostei!
Parabéns, sinto q os dias passam e os teus poemas ganham asas sempre maiores!
Bjs

A.S. disse...

"Em galopes de ansiedade
chego-te agora no calor do fogo que me provocas."

Intenso, sensual, excitante... delicioso!...


Beijos doces!

Me permita disse...

Que foto!