24 janeiro 2008

EU

Eu sou a que no mundo anda perdida,
eu sou a que na vida não tem norte,
sou a irmã do Sonho, e desta sorte
sou a crucificada… a dolorida…

Sombra de névoa ténue e esvaecida,
e que o destino, amargo, triste e forte,
impele brutalmente para a morte!
Alma de luto sempre incompreendida!

Sou aquela que passa e ninguém vê…
Sou a que chamam triste sem o ser…
Sou a que chora sem saber porquê…

Sou talvez a visão que alguém sonhou,
alguém que veio ao mundo pra me ver
e que nunca na vida me encontrou!
Florbela Espanca

13 comentários:

O renascer da Fenix disse...

Olá linda

Olha hoje vou necessitar da tua contribuição lá no meu cantinho a tua opinião é muito importante...ontem fiquei curioso com o teu comentário... o que é que se te passou pela cabeça????

Uma Grande Chama para ti

Kapikua disse...

Tu és alguém muito especial, com uma sensibilidade e sensualidade únicas e que escreve maravilhosamente bem!

beijo ENORME!

Su disse...

As vezes forte, coragem de leão, as vezes fraco assim é o coração... em dias assim, mais escuros, agarro-me a frases como a do Abrunhosa ou a do Chaplin!

E muito muito sinceramente, se fosses tudo e não fosses isto, não eras a pessoa super interessante que és!
:)

Beijo-te com carinho.

Som Do Silêncio © disse...

Um poema divino da maravilhosa Florbela Espanca.
Beijos te deixo

Oliver Pickwick disse...

Doce menina! Como é irmã do Sonho, é claro que esse "alguém" logo te encontrará. É só uma questão de tempo.
Beijos!

Vieira Calado disse...

Uma grande poetisa do Alentejo!
Beijinhos

Um Momento disse...

E com a Florbela me perdi... nas palavras encontradas por ti:))))

Beijo grande!!!!

(*)

Hydrargirum disse...

:)))))))))

O momento perfeito para eu encerrar a minha noite:)

Jinhos:)

O renascer da Fenix disse...

Olá bom dia,

Obrigado pela tua contribuição... olha que isto hoje por lá vai aquecer... o tema é "O Rabo"... que mistérios esconde o "Rabo"... passa por lá e ajuda a levantar o véu...

Uma Grande Chama para Ti

A.ses.i.oM disse...

FlorBela Espanca!...(sou um apaixonado desta Poetisa)

Belo Poema...
Não podia ser de outra forma aqui neste Blog...
Onde estão Belos Textos e Lindas Imagens....

Beijo... :)

Valentim disse...

Você é um sonho de menina, minha diva. Beijos.

rouxinol de Bernardim disse...

Florbela Espanca está sempre presente num universo poético onde a carência é companheira do erotismo mais puro!

A.S. disse...

Querida,

A sensualidade da imagem e as palavras ardentes do poema... são puro tesão!

Beijosss
AL